ARES DA TOSCANA

Paisagismo

ARES DA TOSCANA

Com escadarias e caminhos marcados, jardim dialoga com a arquitetura da morada.

Roberto Riscala
Itu, SP

Espécies escultóricas enfatizam o estilo arquitetônico surgido na região da Toscana, Itália, e que inspirou a idealização da morada de veraneio.

A casa foi implantada em um patamar mais elevado em relação à rua e o conjunto de espécies conduz os visitantes em caminhos agradáveis.

A escada grandiosa com colunas de tijolinhos é emoldurada por ciprestes-italianos e canteiros com vegetação podada compondo o estilo clássico.

O projeto paisagístico acompanha o desnível do terreno, construindo o jardim em patamares, explorando os formatos das vegetações e dos canteiros, tornando-o elegante.

O estilo clássico do jardim complementa a proposta da arquitetura da morada, explorando o toque rústico com muito charme.

Exemplares de capim-do-texas-rubro dão movimento e cor ao exterior. 

Simetria na disposição das espécies e canteiros.

Jasmim-dos-açores é um tipo de trepadeira escolhida para adicionar aroma e frescor na entrada da casa.  

Trepadeiras, como a falsa-vinha, crescem acompanhando as paredes externas, enfatizando a presença da natureza.

Na área de lazer, pisos de mármore Travertino foram entremeados por grama, compondo desenho e, na varanda, trepadeiras aproveitam-se das colunas para seu crescimento e formação de um toldo natural vegetado.

Piscina com acesso por escada, prainha e duas profundidades recebeu pedra hijau no seu interior.

Muito verde e flores delicadas emolduram o setor de lazer.

A topografia permitiu dispor de recantos com privacidade e a presença do paisagismo.

Espreguiçadeiras, ombrelone, mesa e cadeiras garantem banhos de sol e a convivência agradável nos momentos de descanso.

Versátil e rústica, a bela-emília destaca-se na composição paisagística.

O verde está em total sintonia com os elementos da arquitetura, deixando os espaços convidativos e agradáveis.

Lareira externa revestida por mármore travertino aquece as noites em meio às floríferas.

O jardim leva beleza e delicadeza ao setor de lazer da morada.

Tudo em total harmonia.

Patamares e plantas topiadas distinguem-se no jardim da morada.

Projeto arquitetônico: Rogério Luciani Arquitetura (@rogerio_luciani_arquitetura)
Projeto paisagístico: Roberto Riscala (@robertoriscala_paisagismo)
Localização: Itu, SP 
Fotógrafo:Roger Panhan (@rogerpanhan) /Divulgação
Texto Janaína Silva

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima